Notícias

Domingo, 14 de Julho de 2013- 15º Domingo do Tempo Comum- “Amarás o Senhor, teu Deus, e ao próximo como a ti mesmo.” (Lc 10, 27)

   12/07/2013
Fonte: cnbb oeste 2   
Domingo, 14 de Julho de 2013- 15º Domingo do Tempo Comum- “Amarás o Senhor, teu Deus, e ao próximo como a ti mesmo.” (Lc 10, 27)

Ano C - XXIII - Nº 1401 - 15º Domingo do Tempo Comum  -

cor verde - 14/07/2013

Preparar o espaço celebrativo com simplicidade e alegria. Colocar a mesma orientação do domingo anterior, podendo acrescentar materiais referentes ao dízimo. Para dar início à celebração cantar de forma orante o canto de ambientação.

 

1 - Conhecer Jesus, Verbo da vida, amando-o em cada irmão, seguir os seus passos e exemplos.

 

Anunciá-lo é nossa missão. Mar bravio e ventos contrários não fizeram calar sua voz. É o Caminho, a Verdade e a Vida que encanta a todos nós. (bis)

 

Igreja Samaritana a serviço da vida.

 

01. ACOLHIDA

 

Animador(a) - Irmãos e irmãs, sejam todos bem-vindos! É com alegria que nos reunimos para celebrar o mistério de nossa fé! Neste dia o Senhor nos ensina a amá-Lo e a amar o nosso próximo como a nós mesmos. Nesta semana, comemoramos o 23º aniversário da Diocese de Colatina. Nestes

 

anos temos muito a agradecer e a louvar a Deus: pelas vitórias e conquistas alcançadas, pelos desafios e dificuldades superadas. Roguemos que Ele continue abençoando abundantemente nosso

 

pastor Dom Décio, todo o presbitério e todo o povo santo de Deus que forma esta porção do seu rebanho. Em comunhão com os dizimistas de nossas comunidades e unidos a todos que caminham conosco, cantemos.

 

Procissão de entrada como de costume.

 

02. CANTO INICIAL

 

1 - Pai de amor, aqui estamos, celebrando a unidade, somos teus filhos amados nesta mesa da igualdade. Somos uma só família, somos um só coração, eis que a graça da partilha entre nós faz-se oração!

 

No raiar de um novo tempo vida nova então se faz. A esperança do teu povo é justiça, amor e paz!

 

2 - Ó Jesus, Senhor da vida vem trazer libertação! Desta gente tão sofrida vem mostrar-Te Deus- Irmão. Tua cruz é rumo certo, junto a Ti vamos seguir pois teu Reino está bem perto: as sementes vão florir!

 

Presidente - No Deus que nos acolhe em seu amor, façamos o sinal que nos reúne na fé. Em nome do Pai...

 

Presidente - O Deus da esperança que nos cumula de toda alegria e paz em nossa fé, pela ação do Espírito Santo esteja convosco. Bendito seja Deus...

 

03. DEUS NOS PERDOA

 

Presidente - Por meio da Palavra e dos Sacramentos, Deus nos mostra a luz da verdade e nos ajuda a voltar nosso olhar e cuidado para aqueles que necessitam de auxílio. Peçamos perdão ao Pai pelas vezes que abandonamos nossos irmãos e irmãs à beira do caminho (pausa). Confiantes na Sua misericórdia, cantemos.

 

1 - Quando peço em oração, nunca posso me esquecer, se recebo Teu perdão, se recebo Teu perdão, também devo conceder. Entender dizer que sim, sem ferir quem me afrontar, se o mal doeu em mim, se o mal doeu em mim, porque então vou machucar?

 

Que meu Deus eterno e bom, com a luz do Seu olhar, faça vivo em mim o dom, faça vivo em mim o dom, de aprender a perdoar.

 

2 - Todo o peso do rancor, alojado no meu peito vai embora, leva a dor, vai embora, leva a dor na desculpa que eu aceito. Se suplico por piedade, pela paz no coração e me dás Tua bondade, e me dás Tua bondade, posso dá-la ao meu irmão.

 

Presidente - Deus todo-poderoso tenha compaixão de nós, perdoe os nossos pecados e nos conduza à vida eterna. Amém.

 

- Senhor, tende piedade de nós. Senhor...

 

- Cristo, tende piedade de nós. Cristo...

 

- Senhor, tende piedade de nós. Senhor...

 

04. MOMENTO DE LOUVOR

 

Presidente - Louvemos a Deus por todas as pessoas, instituições, ONG’s que a exemplo do bom samaritano, se dedicam ao cuidado dos doentes, dos menores abandonados, idosos... na comunidade e na sociedade, cantando.

 

Este canto é próprio para a Celebração da Palavra.

 

Terra inteira, louvai ao Senhor, nosso Deus! Quem tem fome Ele vem sustentar. Nem a mão

 

do opressor poderá nos deter. Exultai! Ele vem nos livrar!

 

1 - Vou te exaltar, ó meu Senhor por toda a vida e bendizer o Teu nome eternamente. Todos os dias co’alegria Te aclamar, e Te louvar co’amor.

 

2 - Misericórdia e clemência é o Senhor, cheio de amor, indulgente e compassivo. Sua bondade para todos se estende, sempre se dá no amor!

 

3 - Que Tuas obras, ó Senhor, Te rendam graças e Te bendiga todo homem que Te ama. Que cantem glória ao Teu Reino de bondade: Reino de grande amor!

 

05. ORAÇÃO

 

Presidente - Pai misericordioso, no mandamento do amor fraterno resumistes toda a vossa Lei. Dainos um coração generoso e atento aos sofrimentos do próximo, como fez o bom samaritano. Por nosso Senhor Jesus Cristo, Vosso Filho, na unidade do Espírito Santo. Amém.

 

Sem nenhum comentário a assembleia senta-se, em seguida o(a) leitor(a) proclama a leitura.

 

06. LEITURA DO LIVRO DO DEUTERONÔMIO (30, 10-14)

 

07. SALMO RESPONSORIAL (68)

 

Humildes, buscai a Deus e alegrai-vos: o vosso coração reviverá! (bis)

 

- Por isso elevo para vós minha oração, neste tempo favorável, Senhor Deus! Respondei-me pelo vosso imenso amor, pela vossa salvação que nunca falha! Senhor, ouvi-me pois suave é vossa graça, ponde os olhos sobre mim com grande amor!

 

- Pobre de mim, sou infeliz e sofredor! Que vosso auxílio me levante, Senhor Deus! Cantando eu louvarei o vosso nome e agradecido exultarei de alegria!

 

- Humildes, vede isto e alegrai-vos: o vosso coração reviverá, se procurardes o  Senhor continuamente! Pois nosso Deus atende à prece dos seus pobres, e não despreza o clamor de seus cativos.

 

- Sim, Deus virá e salvará Jerusalém, reconstruindo as cidades de Judá. A descendência de seus servos há de herdá-las, e os que amam o santo nome do Senhor dentro delas fixarão sua morada!

 

08. LEITURA DA CARTA DE SÃO PAULO AOS COLOSSENSES (1, 15-20)

 

09. CANTO DE ACLAMAÇÃO

 

Aleluia, Aleluia, Aleluia. (bis)

 

1 - Ó Senhor, vossas palavras são espírito e vida; as palavras que dizeis bem que são de eterna vida!

 

10. PROCLAMAÇÃO DO EVANGELHO DE JESUS CRISTO SEGUNDO SÃO LUCAS (10, 25-37)

 

11. PARTILHA DA PALAVRA

 

A arte da vida cristã consiste em passar da teoria para a prática. Pra isso necessitamos dos dons do Espírito Santo, sobretudo do dom da sabedoria. O 15º Domingo do Tempo comum é o Domingo do Evangelho do bom samaritano. Um doutor da lei, para embaraçar a Jesus, lhe pergunta: “Mestre, que farei para herdar a vida eterna?” Jesus disse: “Que está escrito na Lei?” E o doutor da lei sabia direitinho: vivendo o amor a Deus e ao próximo, ideal já apresentado no Antigo Testamento. Jesus, então, lhe diz: “Faze isto e viverás”. Ele, porém, querendo se justificar, disse a Jesus: “E quem é o meu próximo?” Em resposta, Jesus conta a história do samaritano que socorre o homem caído nas mãos dos ladrões e deixado meio morto ao lado da estrada. Todos nós a conhecemos. No fim, Jesus pergunta: “Qual dos três, em tua opinião, foi o próximo do homem que caiu nas mãos dos assaltantes?” Ele respondeu: “Foi aquele que usou de misericórdia para com ele.” Jesus, então, lhe disse: “Vai e faze o mesmo.” Jesus, respondendo ao doutor da Lei, através da parábola, inverte a questão. Não se trata de saber quem é o meu próximo, mas de ser o próximo de todo aquele que necessita de compaixão. Trata-se, não só de parar e ver, mas de ver e comover-se de compaixão. E devem seguir se outros passos: aproximar-se, atar as feridas, derramar óleo e vinho, colocá-lo na própria montaria, conduzi-lo à hospedaria e dispensar-lhe cuidados e arcar ainda com as necessárias despesas. O amor ao próximo é muito concreto. Esta lei não está longe de nós, está plantada nos corações dos homens. Este domingo leva a comunidade eclesial a experimentar profundamente sua vocação ao amor ao próximo. A sublime capacidade de imitar a Deus no amor. A parábola do bom

 

samaritano nos mostra que não basta o conhecimento; é preciso saborear, pôr em prática. Neste domingo a comunidade transforma em ação de graças toda a dedicação de seus membros na vivência do segundo mandamento, que é igual ao primeiro: amarás o teu próximo como a ti mesmo. Isto só será possível em Cristo Jesus, a imagem do Deus invisível, em que foram criadas todas as coisas.

 

12. PROFISSÃO DE FÉ

 

Presidente - Professemos nossa fé no Deus que enviou seu próprio Filho para a salvação de todos nós. Creio em Deus Pai...

 

13. PRECES DA COMUNIDADE

 

Presidente - Ao Pai que nos acolhe e nos ama com todas as suas forças, elevemos os nossos pedidos.

 

- Senhor, iluminai esta Igreja Particular de Colatina e nosso bispo Dom Décio, para que continue sendo sinal do amor misericordioso de Jesus em nosso meio. Nós vos pedimos.

 

- Senhor protegei todos nós dizimistas, para que nunca nos falte o necessário para vivermos com dignidade e que o fruto de nosso trabalho seja sempre abençoado. Nós vos pedimos.

 

- Senhor, concedei-nos a graça de sermos testemunhas de Cristo na obediência aos vossos mandamentos, na prática da justiça e da misericórdia. Nós vos pedimos.

 

- Senhor, despertai em nossos jovens nesta Semana Missionária em preparação à Jornada Mundial da Juventude, o desejo de conhecê-Lo e servi-Lo, para que possam amar sem preconceitos, sem discriminações, e com a Vossa generosidade e a gratuidade. Nós vos pedimos.

 

Presidente - Rezemos juntos a Oração do Dizimista.

 

Senhor, fazei que eu seja um dizimista consciente. Que cada dízimo que eu der seja um verdadeiro agradecimento, um ato de amor, o reconhecimento de vossa bondade para comigo. Sei que tudo o que tenho vem de vós: paz, saúde, amor, prosperidade, bens... Ajudai-me a dar com generosidade e justiça. Tirai todo o egoísmo do meu coração. Que eu possa amar cada vez mais o meu irmão.

 

Quero ser um instrumento de paz e amor em vossas mãos. Que o meu dízimo vos seja agradável, Senhor! Amém.

 

14. APRESENTAÇÃO DOS DONS

 

Este momento é próprio para a Celebração da Palavra.

 

Animador(a) - A nossa fidelidade e o nosso amor a Deus serão avaliados em conformidade com as atitudes que assumimos em relação aos irmãos. Nosso Projeto Diocesano de Evangelização em seu quarto eixo nos chama a revitalizar a evangélica opção pelos pobres e pela vida na Igreja.

 

Apresentemos ao altar do Senhor a sinceridade do nosso amor a Deus e o serviço prestado ao próximo, por meio da acolhida, do apoio em continuar colaborando com nosso dízimo, que pela sua dimensão social, nos leva ao encontro dos irmãos necessitados, vítimas do sistema que exclui e mata. A equipe do dízimo prepara uma bonita cesta com alimentos, fraldas descartáveis, remédios, agasalhos, etc..., uma faixa com o quarto eixo do Projeto Diocesano. Colocar a cesta e o cartaz em lugar preparado próximo ao altar, enquanto se canta.

 

Os cristãos tinham tudo em comum, dividiam seus bens com alegria. Deus espera que os dons de cada um se repartam com amor no dia a dia. (bis)

 

15. CANTO DAS OFERENDAS

 

(Onde houver Celebração da Palavra)

 

Não se deve dizer: nada posso ofertar; pois as mãos mais pobres é que mais se abrem para tudo dar.

 

1 - O Senhor só deseja que em nós tudo seja constante, servir quando nada se tem só resta dizer: Senhor, eis-me aqui!

 

2 - Alegrias da vida momentos da lida eu posso ofertar, pois nas mãos do Senhor, um gesto de amor não se perderá.

 

(Onde houver Celebração Eucarística)

 

1 - Deus prepara uma mesa farta, rica em alimentos, plena de beleza. Faz no mundo sua moradia e enfeita a vida com a natureza.

 

Bens da terra, frutos do trabalho, neste pão e vinho, vimos ofertar dons da vida, frutos do chamado, feitos oferendas, neste santo altar. Recebe, Senhor! Ô, ô, ô, recebe, Senhor! Recebe Senhor! Ô, ô, ô, recebe, Senhor!

 

2 - Deus convida toda a humanidade a fazer da vida sua vocação. Pois, seu Filho, dom da santidade é o doador e a doação.

 

3 - Deus restaura nossas pobres forças quando a noite chega, sem nada pescar. Lancem rede, em profundidade e em outros barcos venham navegar.

 

16. PAI NOSSO

 

Presidente - A vontade do nosso Pai que está nos céus é que sigamos o exemplo do seu Filho Jesus para alcançarmos a vida eterna. Rezemos confiantes. Pai Nosso...

 

17. ABRAÇO DA PAZ

 

Animador(a) - A paz nos “aproxima” dos irmãos e irmãs, para realizar a comunhão fraterna. Saudemo-nos uns aos outros. (à escolha)

 

18. CANTO DE COMUNHÃO (se houver)

 

1 - Ninguém pode calar a voz, ninguém pode forjar a razão, ninguém pode conter de novo o grito do povo faminto de pão.

 

Se entre nós já existe a partilha entremos na fila do amor comunhão. (bis)

 

2 - Ó Senhor tantos braços fechados poderiam se abrir, dar as mãos! Quantos lábios tão mudos, cerrados não querem falar, defender o irmão.

 

3 - Ó Senhor tantos trabalhadores e outros tantos sem ocupação esperando trabalho e salário, o pobre e operário a viver de ilusão.

 

4 - Ó meu Deus, há mulheres sofrendo, há crianças na rua, sem pão e a Igreja se faz solidária na prece diária, convida à ação.

 

19. ORAÇÃO

 

Presidente - Alimentados pela vossa Palavra (e pela Comunhão), nós vos pedimos, ó Deus, que cresça em nós a vossa salvação cada vez que celebramos o mistério de nossa fé. Por Cristo, nosso Senhor. Amém.

 

20. NOTÍCIAS E AVISOS

 

- De 16 a 20 de julho, acontecerá em nossas paróquias/comunidades a Semana Missionária em preparação à Jornada Mundial da Juventude. Organizem-se!

 

21. BÊNÇÃO

 

Presidente - O Senhor esteja convosco. Ele está no meio de nós!

 

- Deus, Pai de misericórdia, concedei-vos cada dia mais, a sublime capacidade de imitar o Vosso amor.

 

- Abençoe-vos o Deus todo-poderoso: Pai e Filho e Espírito Santo. Amém.

 

- Ide em paz e o Senhor vos acompanhe. Graças a Deus.

 

22. CANTO FINAL

 

1 - Um mundo nós sonhamos, sem muros, sem fronteiras, sem ódios, sem barreiras, sem preconceito e dor. A terra-mãe cuidada, a vida respeitada, culturas dialogando e revelando o seu valor!

 

Juventude missionária, inquieta e solidária. (bis)

 

2 - Na rede da Irmandade, na juventude em festa, de Deus se manifesta a graça, a compaixão!

 

Unidos com Maria, fiéis a cada dia, alegres celebremos nossa vida em missão!

Facebook
Contato

Endereço: Av. Mato Grosso Nº 680 - Centro Juína Mato Grosso Cep: 78320-000

Telefone: 66 3566-3734

E-mail: contato@santoagostinhojuina.com.br
Paróquia Santo Agostinho, Todos os Direitos Reservados. Copyright 2018 Desenvolvido por: NIVELDIGITAL