Notícias

REFLEXÃO: A Igreja deve ter coragem e não deve ser de mornos, diz o Papa

   03/05/2013
Fonte: cnbb oeste 2   
REFLEXÃO: A Igreja deve ter coragem e não deve ser de mornos, diz o Papa

Ao presidir a habitual Missa na manhã de hoje na Casa Santa Marta, o Papa Francisco assinalou que a Igreja deve ter coragem, a coragem da oração para poder anunciar o Evangelho; e não deve ser de cristãos mornos já que isto "faz tanto mal à Igreja".

Na Eucaristia que concelebrou o Arcebispo Claudio María Celli, Presidente do Pontifício Conselho para as Comunicações Sociais, esteve presente a Guarda Suíça Pontifícia com seu comandante Daniel Rudolf Anrig. O Santo Padre disse que "quando a Igreja perde a coragem, entra nela uma atmosfera morna. Cristãos mornos, sem coragem...

 Isso prejudica a Igreja, começam os problemas entre nós: não temos horizonte, não temos coragem, nem a coragem da oração para o céu nem a coragem de anunciar o Evangelho. Somos mornos". "E devemos ter a coragem de enfrentar nossas pequenas coisas, nossos ciúmes, nossas invejas, o carreirismo, de avançar egoisticamente… Em todas estas coisas porque isto não faz bem à Igreja: A Igreja deve ser corajosa!

Todos nós devemos ser corajosos na oração, confiando em Jesus!" O Papa disse que todos os cristãos, os que receberam a fé "devemos transmiti-la, devemos proclamá-la com a nossa vida, com a nossa palavra" para que mais pessoas conheçam a "fé em Jesus Ressuscitado, em Jesus que perdoou os pecados com sua morte e nos reconciliou com o Pai". "E transmitir isto nos pede ser corajosos: a coragem de transmitir a fé.

 Uma coragem, algumas vezes, simples. Lembro-me–me desculpem– de uma história pessoal: quando ainda era menino, minha avó toda Sexta-feira Santa nos levava para a procissão das velas e ao final da procissão chegava o Cristo e minha avó nos fazia ajoelhar e dizia às crianças: ‘Vejam que está morto, mas amanhã estará ressuscitado! A fé entra assim: a fé em Cristo morto e ressuscitado. Na história da Igreja foram tantos os que quiseram nublar esta certeza forte e falam de uma ressurreição espiritual.

Não, Cristo está vivo! "Cristo está vivo e está vivo entre nós", disse o Papa depois de reiterar sua exortação a termos a coragem de anunciar sua Ressurreição, a Boa Notícia. "Jesus –por dizê-lo um pouco fortemente– nos desafia na oração e nos diz assim. ‘E tudo o que pedirdes ao Pai em meu nome, vo-lo farei, para que o Pai seja glorificado no Filho. Qualquer coisa que me pedirdes em meu nome, vo-lo farei.’ … Que forte é isto! (…) Temos esta coragem na oração?".

Facebook
Contato

Endereço: Av. Mato Grosso Nº 680 - Centro Juína Mato Grosso Cep: 78320-000

Telefone: 66 3566-3734

E-mail: contato@santoagostinhojuina.com.br
Paróquia Santo Agostinho, Todos os Direitos Reservados. Copyright 2018 Desenvolvido por: NIVELDIGITAL